Barcelos na NET

Lista de jornais e sites de notícias portugueses sobre esportes, política, negócios, saúde, empregos, viagens e educação.

Inter, Roma, Fiorentina: a “tripla” da Itália nas finais da Copa da Europa.  Isso não acontecia desde 1994

Inter, Roma, Fiorentina: a “tripla” da Itália nas finais da Copa da Europa. Isso não acontecia desde 1994

Inter na final da Champions League, Roma na Europa League, Fiorentina na Conference League. Os torcedores italianos estão mais uma vez experimentando a disputa pelo troféu de futebol mais importante da Europa: três títulos em um. Se os times italianos ganharam alguns deles nos últimos anos, a Itália não mandava tantos times para frente em copas europeias ao mesmo tempo desde a década de 1990. E há quase 30 anos, para ser exato, não houve ‘tripla’, com as três copas ao alcance de pelo menos um time italiano. Era 1994: duas das três copas tinham um nome diferente e prático da atual, mas a essência não era tão diferente: naquele ano – no final da temporada 1993/94, a Serie A dominou o Milan até o a final da Liga dos Campeões Inter na Taça UEFA e Parma na Taça das Taças. Como acabou? Mais do que bom. As duas equipes do Milan terminaram a temporada comemorando. O Il Diavolo, com o plantel então comandado por Fabio Capello, levou para casa o troféu mais cobiçado ao vencer o Barcelona por 4-0 (em Atenas). Em vez disso, o Inter conquistou a Copa da UEFA, vencendo a então dupla final contra o austríaco Salzburg. Só o Parma não sorriu, ao perder com o Arsenal no último capítulo da Taça das Taças (1-0). Em poucas semanas, após 29 anos, surgiu uma nova oportunidade de ter a “tripla” italiana por inteiro. Se Manchester City, Sevilha e West Ham permitirem.

Leia sobre o Open

Leia também:

READ  Toro, negociar jogadores é uma necessidade, mas não é suficiente!