Barcelos na NET

Lista de jornais e sites de notícias portugueses sobre esportes, política, negócios, saúde, empregos, viagens e educação.

Celulares, você não sabe, mas eles destroem esse órgão para você: proteja-se assim

Celulares, você não sabe, mas eles destroem esse órgão para você: proteja-se assim

Telemóvel – uma paixão tecnológica

A primeira década do século XXI foi, sem dúvida, marcada por um enorme progresso do ponto de vista tecnológico. Não há dúvida de que a Internet e seu surgimento nas casas de milhões de italianos trouxeram várias vantagens. Em primeiro lugar, recordamos o surgimento das redes sociais (incluindo Facebook, Instagram, Twitter, etc.), que mudaram radicalmente a vida de milhões e milhões de pessoas em todo o mundo.

No entanto, uma das mudanças mais importantes é certamente o advento dos smartphones no final do início dos anos 2000, que fez da já mencionada conexão à Internet seu ponto forte, pois conseguiu projetar aplicativos capazes de realizar algumas tarefas simples e imediatas. que realizamos no dia a dia. .

Tendemos a dividir sucessivamente os smartphones em smartphones topo de gama (os chamados topo de gama, liderados pelos mais recentes Samsung Galaxy S23 e iPhone 14 Pro respetivamente), seguidos de perto pelos smartphones de gama média. Um bom compromisso entre qualidade e preço.

Por fim, chegamos aos smartphones de baixo custo, especialmente pensados ​​para quem não conhece certas necessidades em termos de poder computacional e qualidade do sensor da câmera.

Apesar de termos uma variedade e heterogeneidade tão grande no mercado atual, ambos compartilham uma característica muito importante: são amplamente utilizados por horas e horas, e isso muitas vezes localiza de bom grado muitos Problemas de saúde.

Tenha cuidado ao usar

De fato, o uso prolongado da tela de um smartphone pode comprometer seriamente a visão e a acuidade visual, levando a olhos secos significativos a longo prazo. De acordo com um estudo recente, de fato, passamos um Média de 3 horas e 43 minutos na frente da tela do nosso smartphone, e esse uso prolongado ao longo do tempo leva a vários problemas, um dos problemas que se chama precisamente “síndrome do olho seco”, muito denunciada pelos jovens, com toda a inflamação dos olhos que daí resulta.

READ  Garmin Fenix ​​​​6S Solar, o preço está cada vez mais baixo: uma baixa histórica

O primeiro conselho que damos é Ajustar o brilho da tela, e conseguir abaixá-lo, se possível. No caso de alto brilho, de fato, isso pode causar cansaço visual, o que obviamente queremos evitar.

telefones celulares 2 hdblog
Celular à noite – uma paixão tecnológica

Além disso, também recomendamos o uso de Modo noturno automático: durante a noite, de fato, o smartphone definirá automaticamente um filtro na tela que refletirá a luz azul, que pode cansar nossos olhos.