Barcelos na NET

Lista de jornais e sites de notícias portugueses sobre esportes, política, negócios, saúde, empregos, viagens e educação.

“Carne vermelha e álcool raramente, dois biscoitos no café da manhã.  “E sem drogas”

“Carne vermelha e álcool raramente, dois biscoitos no café da manhã. “E sem drogas”

Silvio Garattini, 95 anos, é uma figura de destaque no mundo da farmácia e fundador do Instituto Mario Negri de Pesquisa Farmacêutica. Em recente entrevista ao jornal La Repubblica, Garatini revelou o segredo de sua longevidade, atribuindo-a a um estilo de vida saudável e ao simples uso de drogas. “Não como nada a menos que realmente precise”, disse Garattini, ressaltando a importância de prevenir doenças por meio de hábitos saudáveis.

Hábitos alimentares e estilo de vida

Garattini descreveu seus hábitos alimentares com precisão: “Dois biscoitos no café da manhã esta manhã. Nada para o almoço, às vezes suco de frutas. Depois do jantar, levanto-me da mesa com um pouco de fome, como recomendavam os nossos antepassados. Raramente é carne vermelha ou álcool, mas fico feliz em colocar uma colher de chá de açúcar no meu café. Não existe privação, comer um pouco rapidamente se torna um hábito. Na verdade, nos restaurantes nunca consigo terminar o prato.” Esta abordagem simples à alimentação, aliada à evitação do excesso e à ênfase na moderação, contribuiu muito para o bem-estar e a longevidade de Garatini.

Tomar vitamina D e cálcio reduz mortes por câncer: o que diz o maior estudo clínico

Prevenção como revolução

Para Garattini, a prevenção é fundamental não só para a saúde individual, mas também como ferramenta de combate ao mercado de drogas. “Um estilo de vida saudável previne doenças e combate o mercado de medicamentos. Como todos os mercados, está fazendo tudo o que pode para expandir e nos vender o maior número possível de produtos. Hoje um idoso toma em média 15 medicamentos. A prevenção, neste sentido, é uma revolução contra o mercado de drogas.”

READ  Todos nós fazemos isso da maneira errada

Percurso educativo e profissional

A jornada de Garattini no mundo da farmácia começou com uma determinação excepcional. Logo após obter o certificado do ensino médio, ele ingressou no estudo da medicina e começou a estudar o comportamento das drogas no corpo. Sua carreira acadêmica decolou rapidamente, levando-o a assumir o cargo de professor na Universidade de Milão logo após a formatura.

Fundação Instituto Mario Negri

A inspiração para o Instituto Mario Negri de Pesquisa Farmacêutica surgiu durante uma bolsa nos Estados Unidos, onde Garattini descobriu que a pesquisa poderia ser uma verdadeira carreira. Em 1960, graças a uma generosa doação do joalheiro Mario Negri, que deixou 100 milhões de liras e ações na indústria farmacêutica, Garattini fundou o instituto que hoje é sinônimo de pesquisa independente e de alto nível.

Projetos futuros

Apesar da idade avançada, Garattini continua a olhar para o futuro com otimismo e ambição. Atualmente está envolvido no desenvolvimento de um projeto em África que envolve a seleção de alguns licenciados para obterem o doutoramento de Mario Negri, com o objetivo de os devolver aos seus países de origem para contribuírem para o desenvolvimento local. “Procuro um equilíbrio entre a consciência de que posso não estar aqui amanhã de manhã e o desejo de fazer planos para os próximos 10 anos.”

A história de Silvio Garattini é um exemplo excepcional de que um estilo de vida saudável, uma abordagem racional ao uso de drogas e uma dedicação incessante à investigação podem não só prolongar a vida, mas também enriquecê-la com significado e contribuições duradouras para a sociedade.

© Todos os direitos reservados

Leia o artigo completo em
Jornal