Barcelos na NET

Lista de jornais e sites de notícias portugueses sobre esportes, política, negócios, saúde, empregos, viagens e educação.

“Olá!”  Conecta idosos.  Inclusão social nas áreas da RSA

“Olá!” Conecta idosos. Inclusão social nas áreas da RSA

Do lado dos mais fracos, sempre. É isso que a Fundação Amplifon tem feito, ao longo de três anos de vida e de inúmeros projetos que chegam aos grupos mais vulneráveis, especialmente os idosos. Agora, pela primeira vez, a organização sem fins lucrativos do Grupo Amplifon chega ao exterior, trazendo a iniciativa de comunicação e entretenimento atualmente implementada em 200 instalações em Itália e com a participação de cerca de 20 mil pessoas para três residências de saúde na zona de Lisboa. Na verdade, a Fundação Amplifon transcende as fronteiras nacionais, com um projeto de inclusão social fora de Itália, chegando a Portugal. A organização sem fins lucrativos do grupo inaugurou o evento “Ciao!” Em três residências de saúde na zona de Lisboa, para ligar os hóspedes idosos às instalações, criando oportunidades de lazer e socialização para os mesmos.

“Temos o prazer de lançar projetos da Fundação Amplifon em prol da inclusão social também em Portugal. Há pouco mais de três anos, a nossa Fundação desenvolve iniciativas de apoio a pessoas que correm o risco de ficar para trás, com especial referência aos idosos das suas comunidades. “A entrada em Portugal é o primeiro passo “no processo de internacionalização que visa levar os projetos de inclusão social da Fundação para outros países onde o Grupo Amplifon opera, em linha com o ADN inovador e global da nossa empresa”, afirma Susan Carol Holland, Presidente da a Fundação. Fundação Amplifon. O projeto “Hello!” nasceu em Itália em 2020, em plena pandemia, para superar o longo isolamento a que foram obrigados os hóspedes das residências de saúde, facilitando a manutenção das relações com as suas famílias e oportunidades de lazer e entretenimento. A iniciativa consiste em dotar as estruturas de um sistema de videoatendimento com a mais elevada qualidade de som e imagem, de forma a permitir uma relação plena e emocional entre os idosos e os seus familiares, bem como promover novas oportunidades de participação ativa através da utilização de conteúdos (teatro, música, yoga, excursões virtuais e muito mais). O número de idosos participantes nesta primeira fase do projeto em Portugal é de cerca de 100 pessoas. “Decidimos iniciar o projeto Ciao! em Portugal com base na experiência de sucesso que temos em Itália, onde em pouco mais de três anos cobrimos 200 lares de norte a sul do país, e estamos a falar de 20 mil idosos .

READ  Quantos campeões existem no campeonato italiano em nosso tempo?

Esta iniciativa, que envolve também voluntários do grupo Amplifon e está aberta a todas as estruturas que queiram participar, demonstra como, graças à combinação virtuosa das novas tecnologias e da criatividade, é possível criar novas oportunidades de relacionamento e inclusão social “para nossos idosos, e especialmente para aqueles que vivem em lares de saúde”, explica Maria Cristina Ferradini, Diretora Geral da Fundação Amplifon. A Fundação Amplifon foi criada no início de 2020, por ocasião do 70º aniversário da Amplifon. O grupo, líder global em serviços e soluções de cuidados auditivos, criou a Fundação, com o objetivo de capacitar as pessoas para alcançarem o seu pleno potencial na vida, com especial atenção para os idosos que estão em risco de marginalização. A Amplifon opera em Portugal há 23 anos sob a marca Minisom.

A Amplifon está a expandir o seu negócio através da exportação do “Ciao!”, que chega a Portugal. Projetos semelhantes estão programados para serem comissionados em breve na França e na Austrália.