Barcelos na NET

Lista de jornais e sites de notícias portugueses sobre esportes, política, negócios, saúde, empregos, viagens e educação.

Enquanto caminhava, ele o encontrou perto de um riacho: é da época romana

Enquanto caminhava, ele o encontrou perto de um riacho: é da época romana

Um objeto da era romana apareceu na Inglaterra perto de um pequeno riacho. É um achado precioso relacionado a roupas.

Homem andando – Viaggi.nanopress.it

Até os romanos aparentemente cuidaram de alguns “acessórios”. Sabemos, graças às várias descobertas arqueológicas que têm ocorrido ao longo dos tempos, que por exemplo estas populações os utilizavam lindos pinos decorativos para manter suas roupas presas ou para selar as bordas de suas roupas.

O nome desses pinos é Sliver, e um deles é o protagonista Temos notícias da Inglaterra.

Foi encontrado por puro acaso um objecto da época romana: trata-se de um certo fragmento

A filigrana romana são as joias e roupas usadas na Roma antiga. Eles são muito parecidos com os broches mais comuns, mas geralmente têm um design mais elaborado e ornamentado. As fíbulas eram usadas principalmente para prender roupas, como togas, batas ou vestidos, substituindo os botões ou zíperes usados ​​hoje.

o alfinetes romanos É feito de vários materiais, como cobre, ferro, prata e ouro. Eles geralmente consistiam em um arco com um alfinete dentro do qual o tecido da vestimenta em questão poderia ser inserido por um orifício ou laço no outro lado. Esse mecanismo permitia prender as telas firmemente umas às outras e mantê-las bem fechadas.

Exemplo de fíbula romana – Viaggi.nanopress.it

além deles função prática, a fíbula romana também representava um elemento importante do vestuário e da estética. Muitos foram decorados com motivos decorativos, como desenhos geométricos, figuras humanas, animais ou símbolos religiosos. A fíbula pode ser usada por ambos os sexos e sua forma, tamanho e ornamentação podem variar de acordo com o período histórico e a posição social do usuário.

A fíbula romana é um importante achado arqueológico e fornece informações valiosas sobre moda, técnicas de joalheria e estilo de vida da Roma antiga. Eles são freqüentemente encontrados em escavações arqueológicas por pesquisadores e há muitos em exibição em museus ao redor do mundo para que todas as pessoas possam admirar e estudar.

READ  Ursula quebra o silêncio: "Lá me senti só. Nunca me pareci em Ancara"

Encontrei o fragmento na Inglaterra por puro acaso

Neste caso, um valioso fragmento foi encontrado de forma totalmente inesperada no meio de um campo próximo a um córrego. Na verdade, estamos em Over Wallop, uma das três aldeias (junto com Middle Wallop e Nether Wallop) conhecidas como The Wallops em Hampshire. Nessas partes, a água da nascente flui para um pequeno riacho que os locais chamam de Brook.

O autor do achado é um homem que caminhava pelo campo nesta área. Quando percebeu o propósito, e percebendo seu grande valor histórico e arqueológico, pensou imediatamente em notificar as autoridades competentes.

Broche romano encontrado na Inglaterra – Stilearte

De acordo com os especialistas que correram para o local nas últimas horas, o antigo fragmento que emergiu deste local estava totalmente de volta. Entre 80 e 250 DC.

que isso Corpo redondo pequeno Possui seis nós em torno de todo o broche. O prato, de cerca de 26 milímetros, é decorado e totalmente esmaltado, com um anel vazio no centro. Os especialistas classificam esta peça na categoria dos broches britânicos feitos por habilidosos artesãos na Inglaterra justamente durante o período da ocupação romana.