Barcelos na NET

Lista de jornais e sites de notícias portugueses sobre esportes, política, negócios, saúde, empregos, viagens e educação.

Garrafa de vinho recorde italiana em leilão, vendida por 67.000 euros – Ultima Ora

(ANSA) – FLORENÇA, 04 de maio – Nos últimos dias uma garrafa de Musigny Domaine Leroy de 2008 foi vendida por 67.375 euros pela casa de leilões Pandolfini, em Florença.

A nota refere que o prémio estabeleceu o recorde nacional para uma única garrafa de vinho de 75 cl.

O leilão, que inclui 573 peças de vinhos franceses e italianos, decorreu nos dias 27 e 28 de abril, registando uma rentabilidade total de 1.485.785€, equivalente a 218% da estimativa. Entre as garrafas italianas mais vendidas está uma magnum da Sassicaia Tenuta San Guido de 1985 que foi alterada por 9.188 euros, uma garrafa de Barolo Monfortino Riserva Giacomo Conterno de 1945 é vendida por 1.225 euros. Para o Champagne, um Dom Perignon cuvée P3 vintage de 1985 foi vendido por 4.288 euros. Foram necessários € 18.375 para devolver 12 modelos de alguns dos principais castelos de Bordeaux, como Lafite Rothschild Vintage 2000 e 12 Château Margaux de 2000, por € 11.270. E mais uma vez, uma garrafa de Pétrus 1998 foi vendida por 6.125 euros. O Chevalier-Montrachet Leroy Domaine d’Auvenay de 2004 foi vendido por € 22.662 e o Bonnes Mares Leroy Domaine d’Auvenay de 1999 foi vendido por € 11.025. Uma garrafa de Romanée Conti Vintage de 1990 foi negociada por € 25.725, enquanto uma garrafa de 2004, uma de 2000 e uma de 2001 foi vendida por € 21.438. O presidente da divisão Pandolfini, Francesco Tanzi, comentou: “A venda excepcional reforça ainda mais a resiliência do setor neste momento de instabilidade global, e isso recompensa a busca constante pelos melhores produtos comercializados”. (lidar com).

READ  Transferência de Malilli entra para a história: esta é a primeira na Arábia Saudita mediada pelo procurador-geral | Mercado

Reprodução reservada © Copyright ANSA