Barcelos na NET

Lista de jornais e sites de notícias portugueses sobre esportes, política, negócios, saúde, empregos, viagens e educação.

Fecha e deixa 23 funcionários em casa sem remuneração. Participe da enquete

Rovigo – Há algo não claro por trás do fechamento de um arquivo supermercado Hiper 13dentro dos limites Shopping treze de porsi. Em 12 de junho, ele abaixou as cortinas ao sair de casa 23 funcionários sem redes de segurança social, sem salário E a Tfr. Ninguém sabe quem está por trás disso Effepi Srla empresa que No Setembro 2020 adquiriu a unidade de negócios do grupo Auchan que ele decidiu tirar na Itália.

Esta empresa que movimentava um matadouro de carne com um colaborador, um colaborador e um volume de negócios de 2000 euros em 2019, com sede administrativa em komakio (Fe) e com sede em Milão, assumiu os negócios da gigante francesa com outras 6 lojas, nem todas em atividade, uma em Montelabbate (Pu) e depois Pesaro, Comacchio, Misterbianco (Catania) e Orzinuovi (Brescia), deixando o total. De 18 milhões em faturamento como “herança” e 5 milhões de buracos. Além deste processo é um pouco esfumaçado, especialmente um Rovigo.

O supermercado foi comprado em plena pandemia pelo Covid, ficou fechado por meses para reabrir em fevereiro de 2021 e fechado em junho de 2022. Sem promoção, sem organização interna e sem investimento estrutural que a loja precisa com urgência. Janelas mantidas fechadas com fita adesiva, banheiros incompatíveis e sistemas de refrigeração em ruínas.

pouco competitivo

supermercado à esquerda Pare nos anos 80Nem um pouco competitivo, nem em preparação, nem em marketing, nem para os preços acomodar produtos. Os restantes clientes foram retidos pelo pessoal interno que lá trabalhou durante anos. Mas mesmo o dono do shopping nunca investiu no imóvel e sempre esteve foragido, até porque está dividido entre vários sócios que parecem ter ideias diferentes sobre o destino do prédio. Muito ao ponto. Agora as pessoas estão pagando o preço Trabalhadores Quem pede respostas desde junho, agora está desesperado por uma situação que já dura há tanto tempo e agora é agravada por Dificuldades econômicas ditado pela falta de salário.
Mas o fechamento do supermercado também é afetado pelas atividades do shopping, que perdeu sua atratividade e está em um estado de negligência irritante. o sindicatos Filcams Cgil, Fisascat Cisl e Uiltucs são convidados a entrar em tribunal para confirmar detalhes vergonha De Effepi e, por regiãolevaram o caso Estado. Com efeito, nas negociações para a venda da unidade de negócio em Auchan, o Ministério do Desenvolvimento Económico interveio com incentivos para proteger 300 trabalhadores (hoje, porém, 193) das sete lojas para reassentamento. O caso também está sendo investigado pela Polícia Financeira.

READ  O novo lugar "viaja" nos barcos dos sonhos suecos - Corriere.it