Barcelos na NET

Lista de jornais e sites de notícias portugueses sobre esportes, política, negócios, saúde, empregos, viagens e educação.

“Don Carlo” de Verdi abre a temporada de San Carlo em Nápoles

Cancelado no sábado em sinal de luto pela tragédia que se abateu sobre a ilha de Ischia, Don Carlo que abriu a temporada no Teatro San Carlo de Nápoles na terça-feira, 29 de novembro, e o show Rai Cultura ao vivo às 21h15. em Rai5.
A ópera, que marcou a estreia napolitana do grande diretor alemão Klaus Goeth, foi apresentada na versão em cinco atos em italiano e estava ausente das cenas de San Carlo há 21 anos. Na plataforma da orquestra e do coro do Teatro di San Carlo está Juraj Valčuha. Coral Mestre José Luis Paso. “Na minha ideia de Don Carlo – diz o diretor Guth – concentrei minha atenção no personagem principal, seguindo seu ponto de vista. Don Carlo é uma figura frágil, incapaz de enfrentar o que a sociedade exige dele. um sonhador, mais próximo do mundo da fantasia do que da realidade. Ele está e ainda está Preso no mesmo lugar e esse cativeiro descreve sua condição no mundo. Ele não consegue encontrar um lugar no universo em que nasceu, e parece estar no lugar errado: seu pai o rejeita e a mulher que ele ama se torna sua mãe depois de se casar com Filipe II. Até mesmo Rodrigo, o único amigo que ele parece ter, o explora para seus próprios propósitos. Tudo isso cria nele uma visão sombria do mundo, semelhante a uma prisão. Conforme os cinco atos se desenrolam, mais e mais personagens se revelam em desespero e solidão.”
No elenco, Mathieu Pollenzani co-estrela, Michele Bertossi interpreta Philip II, Ludovic Teziere Rodrigo, Aline Perez interpreta Elisabeth de Valois e Elena Garana Princess Eboli.
Os cenários são de Etienne Bloss, os figurinos são de Petra Reinhardt e as luzes são de Olaf Friese, enquanto o vídeo é de Roland Horvath e o drama é de Yvonne Gebor.
A direção de TV é de Claudia de Toma.

READ  “Incitação ao suicídio” não é atribuída ao ex-camarada Lusito - Libero Quotidiano