Rio Negro atinge 29,39 metros e já é a oitava maior cheia desde 1922

Rio Negro atinge 29,39 metros e já é a oitava maior cheia desde 1922
4.9 (97.78%) 9 vote[s]

Rio Negro atinge 29,39 metros e já é a oitava maior cheia desde 1922

O Rio Negro atingiu, nesta segunda-feira, 17/6, a cota de 29,39 metros, seis centímetros a mais do que a cota máxima esperada para a cheia deste ano. Mas de acordo com o Serviço Geológico do Brasil (CPRM) o período de cheia já está em ritmo lento, com o rio subindo por volta de 2cm ao dia. O prognóstico é de estabilizar nas próximas duas semanas.

Esta já é a oitava maior cheia em 97 anos. Caso o rio continue no mesmo ritmo de subida (2 cm ao dia), nos próximos 15 dias, o rio Negro poderá chegar a terceira maior cheia.

MÉDIO E ALTO RIO NEGRO

Cheia do Rio Negro 2019 em Barcelos
De acordo com o último boletim de monitoramento expedido pelo CPRM, na sexta-feira, 14/6, o Rio Negro encontra-se em processo de enchente, apresentando cotas expressivamente altas para o atual período do ano nas estações monitoradas. Em São Gabriel da Cachoeira, Barcelos e Santa Isabel do Rio Negro, por exemplo, a cota desceu um pouco nos últimos dias, representando uma variação normal.

MANAUS

No último dia 5, a Prefeitura de Manaus decretou situação de emergência e já iniciou atendimento às famílias atingidas pela cheia, na área urbana da cidade. Entre os bairros atingidos estão Aparecida, Betânia, Comunidade do Céu (Centro), Colônia Antônio Aleixo, Compensa, São Geraldo, Tarumã, Santo Antônio e São Jorge, Puraquequara, Presidente Vargas, Mauazinho, Raiz e Educandos.

Já no Porto de Manaus, o rio reduziu um pouco o ritmo de subida na última semana, porém continua com cotas expressivamente altas, subindo aproximadamente entre 1 a 2cm por dia. O prognóstico do CPRM é de essa subida se estabilizar nas próximas duas semanas.

“A tendência, agora, pela minha experiência é essa de baixar. O rio Negro em 76% a 75% das cheias, em meados de junho e julho, apesar das variações, começa a baixar. De ontem para hoje, por exemplo, já baixou um centímetro e isso sinaliza para o final dessa cheia caminhando para a vazante”, disse Valderino Pereira, chefe do Serviço Hidrológico do Porto de Manaus.

SOS enchente

As famílias afetadas pela enchente do rio Negro, em Manaus, serão atendidas com o benefício do auxílio-aluguel, pela Prefeitura de Manaus, a partir desta terça-feira, 18/6. O processo de entrega das guias de liberação de pagamento da primeira parcela, no valor de R$ 300, é coordenado pela Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc), em parceria com a Defesa Civil do município e beneficiará 1.892 famílias.

Outras medidas

Com a cota do rio Negro ultrapassando a previsão do Serviço Geológico do Brasil (CPRM), que era de 29,33 metros, a prefeitura intensificou a construção de pontes provisórias nas áreas atingidas pela cheia, como nos bairros São Jorge e Centro, para reforçar as passagens que dão acesso aos moradores e comerciantes. Em paralelo, o órgão também conclui a formalização do pedido de ajuda humanitária ao governo federal.

MAIORES CHEIAS

2012 – 29,97

2009 – 29,76

1953 – 29,69

2015 – 29,66

1976 – 29,61

2014 – 29,48

1989 – 29,42

2019 – 29,39

1922 – 29,35

2013 – 29,33

Com informações de Carla Albuquerque –  TODA HORA

Notícias Relacionadas