“Projeto “Oral Health Condition in School Children in Barcelos”

A doutora em Saúde Coletiva, Lauramaris Arruda Régis Aranha, cientista, que também é cirurgiã-dentista e professora adjunta da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) vai representar o Amazonas  no "International Association For Dental Research IADR General Session". O evento está marcado para acontecer em Seattle (USA) de 20 a 23 de março de 2013.

No encontro, Lauramaris vai apresentar o projeto "Oral Health Condition in School Children in Barcelos, Amazonas, Brazil". A pesquisa avaliou a prevalência da cárie dentária em estudantes de 5 a 14 anos de idade da Escola Municipal Alcebíades Pereira Vasconcelos, em Barcelos (município localizado a 399 quilômetros de Manaus. Os dados da pesquisa apontaram para a alta prevalência de cárie em escolares de 5, 6 e 7 anos de idade.

De acordo com a cirurgiã-dentista, há carência de pesquisas relacionadas ao tema no interior do Amazonas, o que reforça a importância do estudo.“Barcelos não possui informações epidemiológicas para fornecer a evolução dessa patologia (doença). Esse estudo deverá auxiliar na construção de um referencial epidemiológico, bem como gerar instrumentos de definição estratégicas que orientem a operacionalização do sistema de saúde no município”, afirmou.

É a primeira vez que a professora participa de um congresso com o apoio da FAPEAM. “É uma grande oportunidade para agregar conhecimento por meio da leitura dos demais projetos apresentados e participação em cursos disponibilizados no decorrer do evento. Isso também repercutirá na qualidade do ensino oferecido pela UEA, além de incluir o Amazonas no contexto mundial no que tange à pesquisa relacionada à odontologia”, finalizou.

A pesquisa contou com a colaboração da cirurgiã-dentista, Danielle Alves Pinto Baia, da cirurgiã-dentista Manuela Souza Dutra, da cirurgiã-dentista Sânya Thaína Cristovam Santos, da professora Márcia Gonçalves Costa, da professora Waldeyde Gualberto Magalhães e do professor Rachid Zacarias Filho.

Sobre o Programa

O Pape apoia a participação de pesquisador/professor/estudante qualificado em eventos científicos e tecnológicos relevantes no País e no exterior. Pelo programa, os proponentes têm a oportunidade de apresentar o trabalho científico e/ou tecnológico de sua autoria, não publicado, resultante de pesquisa desenvolvida no Amazonas.

Notícias Relacionadas