Preso em Barcelos-AM o cearense suspeito da morte de Jorge Furlanetto em Ijuí-CE

Cena do crime ocorrido no dia 25 de abril deste ano em Ijuí e, no detalhe, o suspeito Jeferson Martins da Silva. Fotos: Abel Oliveira/arquivo

Cena do crime ocorrido no dia 25 de abril deste ano em Ijuí e, no detalhe, o suspeito Jeferson Martins da Silva. Fotos: Abel Oliveira/arquivo

A Polícia Militar do Munícipio de Barcelos no Estado do Amazonas prendeu o suspeito da morte do ex-funcionário do Ministério do Trabalho de Ijuí, Jorge Luiz Furlanetto, 58 anos, crime ocorrido por volta das 18h30 do dia 25 de abril deste ano, em frente a uma escola de idiomas, no centro de Ijuí.

Com mandado de prisão preventiva decretado pela 1ª Vara Criminal da Comarca de Ijuí, o cearense Jeferson Martins da Silva, conhecido como “Jefinho”, de 24 anos, foi capturado por PMs do município de Barcelos-AM, no último dia 16.

“Jefinho” morava na Rua Santo Beal, bairro Storch, em Ijuí, quando aconteceu o crime, e depois desapareceu. A investigação do homicídio levou a polícia a representar pela prisão do suspeito.

“Jefinho” está sendo levado para Manaus, onde será entregue para a polícia civil que o encaminhará à Penitenciária Modulada de Ijuí.

Nos próximos dias a polícia deverá se manifestar publicamente sobre a prisão do suspeito.

Ainda não se tem informações oficiais dos motivos do crime, mas é possível adiantar que existem mais pessoas ligadas ao assassinato.

Jorge Luiz Furlanetto foi executado por um homem, “Jefinho”, segundo a polícia, que tripulava uma motocicleta e fugiu após efetuar quatro disparos contra a vidraça da janela da caminhonete da vítima.

Os tiros foram dados assim que a esposa do motorista desceu para apanhar o filho na Escola, na Rua Floriano Peixoto.

Outros pais de alunos que aguardavam pelos filhos contaram que Jorge Furlanetto estacionou a caminhonete Fiat Strada, branca, placas IQJ 5780 – em frente à Escola de Idiomas CCAA e que em seguida foi surpreendido pelo homicida, de capacete.

Notícias Relacionadas