Justiça do Trabalho realizará atendimento itinerante em Barcelos-AM

Justica-do-Trabalho-em-Barcelos-2015

A Vara itinerante da Justiça do Trabalho de Presidente Figueiredo estará em Barcelos, realizando atendimento, no período de 29/06 à 03/07, em sala do prédio do Cartório Eleitoral localizando à rua Efigênio Sales, 298, Centro, no horário de 08 às 16 horas. Durante a semana de atendimento, serão recebidas novas reclamações trabalhistas, informados sobre andamento de processo em tramitação, realização de audiências marcadas entre outros.
As audiências serão conduzidas  pela Dra. Joicilene Jerônimo Portela Freire, juíza Titular da Vara de Presidente Figueiredo – Juíza do Trabalho Titular  e pela equipe que a acompanha.

A população barcelense pode utilizar a Justiça do Trabalho Itinerante para realizar o ajuizamento de ação trabalhista, buscando o recebimento de quaisquer verbas de natureza trabalhista ou previdenciária, decorrentes de prestação de serviços nos moldes da CLT. As audiências itinerantes são divididas em duas fases: tomada de reclamações trabalhistas e audiências.

Para ser atendido não é obrigatório estar acompanhado de advogado. Basta apresentar um documento de identificação, como por exemplo a carteira de trabalho, carteira de identidade e CPF (original e cópia), bem como levar dados do reclamado (nome, endereço) e a documentação referente ao que está reclamando.

Sobre a Justiça do Trabalho Itinerante

A Justiça do Trabalho Itinerante é um programa realizado anualmente pelo Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região, com a finalidade de ampliar a atuação da Justiça do Trabalho, levando o atendimento jurisdicional às cidades que não possuem sedes de varas do trabalho, facilitando o acesso do trabalhador aos instrumentos legais de reivindicação de seus direitos.  Sua implantação partiu da necessidade de difundir a democratização judiciária, priorizando o atendimento das comunidades mais distantes e o compromisso de possibilitar o acesso real e efetivo à justiça, permitindo ao cidadão e advogados que evitem despesas com deslocamento para obterem a solução de suas demandas.

Com informações: Ferdinan Santos