Índia de 5 anos morre após engolir espinha de peixe em São Gabriel da Cachoeira

Um índia da etnia Pira Tapuia, de 5 anos, morreu depois de engolir acidentalmente a espinha de um peixe. O caso ocorreu nesta sexta-feira (8), em São Gabriel da Cachoeira, a 852 Km de Manaus. A espinha perfurou os pulmões da criança.

Segundo familiares, a menina morava no distrito de Taracuá. A diretora do hospital de Taracuá, Rosy Lapo, disse que, ao perceber a gravidade do problema, viajou de voadeira por cerca de seis horas com a criança até a sede do município na tentativa de salvá-la, mas a índia morreu antes de receber atendimento médico.

Notícias Relacionadas