Governador José Melo é diplomado pelo Tribunal Regional Eleitoral

Governador José Melo é diplomado pelo Tribunal Regional Eleitoral
Avalie este post

GOVERNADOR melo diplomado
Na manhã desta quinta-feira (18), em cerimônia oficial organizada pelo Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM), no auditório  Século, Zona Oeste de Manaus, o governador reeleito José Melo (PROS), o vice Henrique Oliveira (SDD), o senador Omar Aziz (PSD), oito deputados federais e 24 estaduais foram diplomados nos cargos eletivos. O evento, presidido pela titular do TRE, desembargadora Socorro Guedes, com a presença do prefeito de Manaus, Arthur Neto (PSDB), representantes dos três poderes, forças armadas e Polícia.

Socorro Guedes abriu a solenidade de outorga, prestabelecendo primeiramente os deputados estaduais e em seguida os deputados federais, suplentes de senador, senador, vice-governador e governador, numa sessão que durou cerca de duas horas. O juiz federal Ricardo Sales, que representou o pleno do TRE, saudou os eleitos em um discurso no qual destacou o papel do poder judiciário ao longo de todo o processo eleitoral. “Este evento é o que encerra o pleito e a tarefa imposta pelo exercício da cidadania por meio do sufrágio universal, tornando aptos para a posse os candidatos que se sagraram vencedores nas eleições. É a chancela expedida pela Justiça Eleitoral certificando a regular eleição do candidato”, explicou Sales.

Durante o evento, o governador José Melo anunciou o cumprimento das metas e dos projetos de desenvolvimento social, econômico e político com os quais se comprometeu durante a campanha, como a implantação do Banco do Povo, contratação de mais médicos especialistas e expansão do Programa Ronda no Bairro, entre outros. Ele fez questão de ressaltar aos jornalistas que seu governo terá cinco pilares de destaque, educação, segurança, saúde, social e desenvolvimento do interior.

“Vencida esta etapa de hoje, agora parto para a formatação de um governo que não é novo, mas vai passar por ajuste fino para cumprimento dessas metas, objetos da campanha. Não haverá uma data para o início das mudanças, que deverão ser implementadas a partir de fevereiro sempre de forma paulatina, com cuidado e muito zelo. Quem quiser se manter no cargo terá de ter em mente que o nosso governo se volta para a prestação de serviços e terá de ser compromissado com o trabalho, mesmo porque 2015 será um ano difícil para o país e teremos de reduzir os gastos públicos do Estado, a título de economia e reajuste de secretarias”, completou Melo.

Em seu discurso, a presidente do TRE, Socorro Guedes, agradeceu as 35 mil pessoas envolvidas nos trabalhos durante o pleito e pediu aos eleitos o trabalho em prol da construção da sociedade mais justa e humana. Segundo a desembargadora, o ato de diplomação é o início dos esforços de um governo democrático constituído para trabalhar com o povo e para o povo. “Aos que hoje são diplomados, meus sinceros cumprimentos de alegria por não terem esmorecido diante das dificuldades e pela coragem de enfrentar os desafios comuns em todo o processo eleitoral. É árdua a missão do homem público, mas a meta de sempre buscar a realização do exercício do bem comum deve ser mantida. Parabéns pela conquista e boa sorte a todos”, enfatizou.

Os eleitos do Poder Executivo tomarão posse nos respectivos cargos públicos em 1º de janeiro de 2015. Já os do Poder Legislativo serão empossados no dia 1º de fevereiro.

Notícias Relacionadas