Eleita primeira mulher Presidente da Federação das Organizações Indígenas do Rio Negro – FOIRN

O papel das mulheres no movimento indígena do Rio Negro : História e Perspectivas. foi a pauta da assembleia da FOIRN, destacando a participação delas nas reuniões e assembleia mesmo timidas mas elas conquistaram espaço, com reformulação do estatuto na assembleia de 2010, ela conquistaram direito de concorrer a diretoria da FOIRN junto com os homens e participar como delegadas a assembleia eletiva, isso ta garantido no estatuto e é uma conquista nossa disse a Cecilia Alburque que coordendou a mesa, parabenizando a participação das mulheres as palestrante foi Rosane Cruz – Coordenadora do Departamento de Mulheres, Marcinda Miranda – Liderança Indigena Mulher e Dona Judite Texeira como debatedora liderança de Iauarete, somos companheiras dos homens e vamos lutar junto pelo nosso povo e vamos apoiar uma mulher pra diretoria nessa assembleia disse a Judith na sua fala final. E Por fim Lideranças de várias etnias vindo de Barcelos, Santa Isabel do Rio Negro, reunidos no municipio sede da instituição em São gabriel da Cachoeira -AM, que em comemoração de 25 anos de luta e sobrevivencia, movimento indigena define o representante e para surpresa de todos uma mulher vai presidir a FOIRN que representa os 23 povos para próximos 4 ano.

Almerinda Ramos de Lima

Almerinda Ramos de Lima – 39 Anos do povo Tariano, nome de benzimento Nanai, mãe de 02 filhos e um neto, iniciou sua jornada no movimento indígena desde seus 15 anos de idade, acompanhando seu pai nas discussões de assembléias e reuniões do movimento indígena  de sua região e FOIRN de quem se orgulha falar o nome Armando de Lima natural da comunidade Nova Esperança no Alto Rio Uaupés sua refencia de está nessa luta para bem de todos.

Notícias Relacionadas