TSE mantém cassação do mandato do prefeito e vice de Novo Airão

TSE mantém cassação do mandato do prefeito e vice de Novo Airão
5 (100%) 5 votes

TSE mantém cassação do mandato do prefeito e vice de Novo Airão e nova eleição será marcada

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE)  realizou o julgamento o julgamento do prefeito cassado Wilton Santos (PSDB).  O ministro Tarcísio Vieira Neto, negou seguimento a recursos especiais do prefeito de Novo Airão, Wilton Santos, e manteve a condenação de perda de mandato e de direitos políticos.

Ele e seu vice Tiburtino da Silva (DEM) tentavam reverter decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) do final de 2016, que não reconheceu o registro de candidatura da chapa e anulou a eleição, conforme pedido do Ministério Público Eleitoral (MPE). Em 2017 a decisão da juíza federal Jaiza Fraxe já havia suspendido os direitos políticos do prefeito Wilton Pereira dos Santos, por três anos e determinou o pagamento de uma multa de R$ 48 mil em 13 de julho de 2017. Ele foi condenado por improbidade administrativa e teve os direitos políticos suspensos, em 14 de julho de 2017. De lá para cá, Wilton vinha se sustentando no cargo através de liminares.

O prefeito Wilton Santos foi considerado inelegível por oito anos por cinco condenações por improbidade administrativa nos tribunais de contas do Amazonas e da União (TCE e TCU).

Notícias Relacionadas

Compartilhar: