Rio Preto da Eva inicia campanha de prevenção à hanseníase nas escolas municipais

Rio Preto da Eva inicia campanha de prevenção à hanseníase nas escolas municipais
5 (100%) 3 votes

Rio Preto da Eva inicia campanha de prevenção à hanseníase nas escolas municipais

A Prefeitura de Rio Preto da Eva, a 70 quilômetros de Manaus, iniciou uma campanha de prevenção contra hanseníase, Verminose e Tracoma nas escolas municipais. As ações de saúde são determinadas pelo prefeito Anderson Sousa e tem como principal objetivo atender o maior número possível de pessoas.

A ação tem como objetivo atender alunos de 5 a 14 anos que estão matriculados no ensino fundamental. A coordenação de hanseníase e as equipes do PSE farão palestras com os pais para esclarecer sobre os sinais e sintomas e ensiná-los a se proteger dessas doenças. 

Além disso, os pais que não comparecerem às reuniões, os alunos deverão levar para casa o termo de consentimento, para ser assinado pelos pais ou responsável.

Durante a campanha será realizada uma busca ativa de novos casos de hanseníase. Além disso, os alunos que trouxerem o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido assinados pelos pais serão devidamente medicados com albendazol, para tratamento das verminosas.

Caso as equipes encontrem algum aluno com os sintomas tanto da Hanseníase como de tracoma, elas serão encaminhadas para as Unidades de Saúde próximo de suas residências para iniciar o tratamento. A campanha vai até o mês de junho em 12 escolas que foram pactuadas no município.

De acordo com a Coordenadora de Prevenção à hanseníase, Norma Rodrigues, quando as ações são realizadas nas escolas, os resultados são maiores. “Quando a saúde leva essas campanhas para as escolas observamos que temos maiores resultados, diferente de quando a população vai até as unidades de saúde. Indo até as escolas temos um retorno maior e facilita bater as metas estabelecidas”, disse.

O lançamento da campanha contou com a presença da secretária de saúde, Aila Carla, coordenadora de hanseníase, Enf. Norma Rodrigues, a gerente da FVS, enf. Cristiane Lindoso, gerente de atenção básica, enf. Marilena Facundes, além de gerentes de unidades de saúde, agentes comunitários de saúde e endemias, enfermeiros, odontólogos, assistentes sociais, nutricionistas e demais profissionais da saúde.

Notícias Relacionadas

Compartilhar: