Professores fazem caminhada por melhorias na Educação em Barcelos

Professores fazem caminhada por melhorias na Educação em Barcelos
5 (100%) 6 votes
Professores fazem caminhada por melhorias na Educação em Barcelos
Caminhada por melhorias na Educação em Barcelos / Fotos: Marcelos Gonçalves

Os professores da rede estadual de Barcelos (401,7 km de distância de Manaus)  fizeram  uma caminhada na manhã desta quinta-feira (22) pelas principais ruas da cidade, mesmo embaixo de chuva, iniciaram às 09h, saindo da Escola Estadual São Francisco de Salles e terminando  na Praça no centro da cidade às 11h .  O ato com adesão de todos os professores das 3 escolas estaduais do município, foi em apoio aos mais de 6 mil educadores da rede estadual de ensino da capital e de outros interiores que fazem protesto em frente à sede do Governo.

Destaque para a população e alunos que espontaneamente estão apoiando essa classe batalhadora. Os professores de Barcelos estão aguardando a decisão de Manaus, a caminhada de hoje foi  um alerta que mostra a insatisfação com a situação que se encontra a educação, salários defasados, direitos não sendo respeitados.

A caminhada foi uma aula de cidadania, ensinamos na prática que é preciso lutar por melhorias na educação, que somente um povo consciente é capaz de transformar a sua realidade, nossos alunos acompanham de perto nossa insatisfação com o ensino e todo o nosso esforço para ministrar uma aula de qualidade, mas não podemos fazer sozinhos, precisamos de material didático, de instrumentos tecnológicos para dinamizar as aulas, os alunos precisam ter uma merenda de qualidade, livros didáticos para todos, material pedagógico humano e físico para ter uma aula de qualidade e um ambiente que propicie a aprendizagem, é por tudo isso que lutamos, para que a educação seja valorizada e respeitada e consequentemente uma sociedade mais justa e igualitária“. Disse a Pedagoga Lia Bastos Gonçalves.

Hoje nós professores da Rede estadual de ensino do município de BARCELOS, fomos às ruas de luto, para gritar por socorro para educação. A realidade dos profissionais da educação é lamentável, desvalorizados e sem condições descentes para educar . Não SE CONSTRÓI uma sociedade justa sem uma EDUCAÇÃO DE QUALIDADE”. Disse a Professora Raycka Lacerda.

 

Disseram ainda que a greve mesmo, depende muito do pronunciamento do Governador diante das manifestações em todo estado.  Os educadores em Barcelos estão indo às escolas para cumprir o horário hoje e amanhã, mas avisam que se até segunda-feira não houver um acordo, entrarão de greve junto com os demais  da Capital amazonense.

Reivindicações

Desde a semana passada, os professores da rede estadual de ensino do Amazonas fazem paralisações e atos de protesto em escolas de Manaus e do interior do Estado. Eles exigem reajuste salarial de 30% e mais 5% real de salário, totalizando um índice de 35%. Além disso, a categoria busca manutenção do plano de saúde, que foi cortado para parte deles, e vale alimentação.

No início da semana, o Governo do Amazonas propôs pagar a data base da categoria de 2017 no percentual de 4,57%, o que foi rechaçado pelos professores. Também foi oferecido aumento em R$ 200 do vale-alimentação dos docentes em sala de aula, totalizando R$ 420; promoções verticais de 3.516 professores que concluíram títulos de graduação; extinção da taxa de 6% do vale-transporte; e auxílio localidade de R$ 30 para R$ 200, e até R$ 1 mil dependendo da distância.

CONFIRAM AS FOTOS:

 

Notícias Relacionadas

Compartilhar:

Comentários