BENEFÍCIO para mais de 7.500 famílias do Interior do Estado do Amazonas

http://portalamazonia.globo.com/img/upload/noticias/amazonia14.jpg

O Instituto de Terras do Amazonas – ITEAM, vai entregar nesta terça-feira, as 10h, no auditório do Tribunal de Contas do Estado,  15  CONCESSÕES DE DIREITO REAL DE USO  – CDRU,  às Associações Agroextrativistas das Unidades de Conservação de Uso Sustentável, alcançando 26 municípios do interior do Amazonas. O benefício chega a 7.856 famílias, que vivem e trabalham nessas unidades de conservação, que a partir de agora, passam a ter a documentação da terra, permitindo que as mesmas passem a participar dos programas federais de incentivo agrícola dos governos Federal e Estadual. “É um momento histórico para o Amazonas. Estamos andando a passos largos rumo ao desenvolvimento e melhoria de vida do homem do interior. Isso é prioridade do governo Omar Aziz ”, declara Wagner Santana, presidente do Iteam.

No total os documentos autorizam a utilização de uma área total de 10 milhões, 328 mil hectares, que correspondem a 6,7 % das terras do estado, por 628 comunidades. “São números que realmente chama atenção, mas que são apenas parte do todo. O Amazonas é muito mais e estamos trabalhando para atendermos a todos que precisam de documentação”, garante  Santana. “A melhoria da qualidade de vida das pessoas do nosso interior, passa necessariamente pela documentação da terra e dessas autorizações de uso das mesmas”, complementa Santana.

A Reserva de Desenvolvimento Sustentável – RDS Cujubim, no município de Jutaí, meso região do Alto Solimões é a maior em área, mas a menor em numero de famílias. “Temos a terra, o conhecimento e até a possibilidade de investimento para desenvolver nossa gente e nossa região. O que nos faltava era a documentação, que está nos sendo entregue pelo nosso Governador”, agradece Edvar Bezerra Moura representante oficial da Associação dos  Extrativistas.
Os municípios beneficiados com os documentos são: Eirunepé, Ipixuna, Manicoré, Fonte Boa, Japurá, Maraã, Uarini, Tonantins, Jutaí, Barcelos, Codajás, Coari, Novo Airão, Manacapuru, Iranduba, Canutama, Maués,  Eirunepé, Ipixuna, Tefé, Borba, Itapiranga, São Sebastião do Uatumã, Anuri, Beruri e Tapauá.

Fonte: Amazonia Notícias

Notícias Relacionadas