Azul pode voar com aviões maiores em três aeroportos do AM

Azul na Amazonia

A Azul solicitou à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) que os voos operados nos aeroportos de Coari, Eirunepé e São Gabriel da Cachoeira – os três no Amazonas – sejam feitos por aeronaves ATR-72 e não mais por modelos ATR-42(500). A companhia pretende iniciar os voos com as novas aeronaves a partir de junho desse ano.

Aero-Uaupes-Amazonas-757x370A troca faz parte do plano da companhia de deixar de operar seus aviões ATR-45 – outra classificação dada ao aviões ATR 42(500)-, que têm capacidade para 48 assentos cada um. Os modelos ATR-72 são maiores e conseguem transportar até 70 passageiros.

Os três aeroportos amazonenses fazem parte do programa de desenvolvimento de aviação civil. Segundo nota divulgada no site da Secretaria da Aviação Civil (SAC), o aeroporto de Coari é o que se encontra em estágio mais avançado do programa. “A ampliação do terminal [de Coari] encontra-se na fase de Anteprojeto, que é a elaboração do projeto de engenharia para licitação da obra. (…) Eirunepé e São Gabriel da Cachoeira estão em estudo preliminar, quando são feitos estudos para definir o tamanho do pátio, pista, terminal e o investimento necessário para isso”.